segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Chuvas no Ceará em fevereiro já estão em torno da média histórica

As chuvas deste fim de semana garantiram ao Ceará 88,5% da média de chuvas prevista para fevereiro, o que significa que o volume está em torno da média histórica do mês. O Estado atingiu 104.9 milímetros (mm), um desvio de 11.55% em relação à média histórica de 118.6 mm deste mês.
A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) informa que desvio de 15%, para mais ou para menos, já significa que as chuvas estão em torno da média. Os dados de chuva são atualizados diariamente às 14 horas e, até às 11 horas, a média estava em 127.8 mm, o que correspondia a um volume 8% acima da média histórica.
A informação das chuvas no Ceará em torno da média foi comemorada pelo governador Camilo Santana, em sua página oficial no Instagram. “Ainda é cedo para comemorar um bom inverno, mas não posso deixar de dividir com vocês minha alegria com essa notícia. Continuemos juntos, na torcida e na oração, para que nosso Ceará continue sendo abençoado pelas chuvas, que trazem alegria para todos nós cearenses”, escreveu ele.
Em 2012, última vez em que a média histórica de fevereiro foi atingida, choveu 138,1 mm no Estado, de acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). No ano passado, fevereiro teve apenas 23,2 mm, enquanto em 2015, 2014 e 2013 foram registradas médias de 96,3mm, 91,9mm e 61mm, respectivamente.
A Funceme registrou chuva em 40 cidades cearenses, entre as 7 horas de sábado, 18, e as 7 horas deste domingo, 19. As maiores chuvas foram registradas em Cedro (45 mm), Lavras da Mangabeira (42 mm), Orós (42 mm), Várzea Alegre (30.6 mm) e São Gonçalo do Amarante (28 mm).
Em seguida, as precipitações mais significativas foram nas cidades de Pacajus (28 mm), Graça (26 mm), Capistrano (25 mm) e Fortaleza (24.4 mm). As chuvas desta semana estão associadas a presença da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). A previsão da Funceme é de nebulosidade variável com chuvas em todas regiões do Estado, nos próximos dois dias.
Açudes
A Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) aponta aporte de 3,3 milhões de m³. Ubaldinho (0,32%), no Cedro, foi o açude que mais recebeu recarga, seguido do Várzea da Volta (0,27%), em Moraújo, Cipoada (0,18), em Morada Nova, e Batente (0,17%), em Ocara.
O Castanhão, que abastece a Capital e a Região Metropolitana de Fortaleza, teve aporte de 638 mil m³. A recarga representa 0,01% da cota total. Com isso, o açude está com 4,99% da capacidade, cerca de 0,1% a mais do registro ao longo da semana.


(O POVO Online)

Nenhum comentário:

Visualizações de páginas da semana passada

M Festas - Onde você encontra tudo para Aniversário

M Festas - Onde você encontra tudo para Aniversário
M Festas vende e aluga para festas de aviversário - Fone (88) 8807.0245